Universo Moda

Tudo sobre moda, design, beleza, decoração e o mais que faz bem a alma e o coração

Adeus Louis Vuitton

louis vuitton marc

Depois de 16 anos à frente da Maison Louis Vuitton, o estilista Marc Jacobs apresentou seu último desfile durante a semana de moda de Paris, anunciando que agora irá se dedicar ainda mais a sua própria marca, a Marco Jacobs International (que, assim como a própria Louis Vuitton, faz parte do grupo LVMH)

O clima do desfile que aconteceu no Louvre foi todo de despedida. As modelos desfilaram uma coleção inteira de roupas pretas, fazendo referência ao primeiro desfile de Jacobs no comando da Maison. Até mesmo o cenário apresentou símbolos usados em outras coleções do estilista, como o carrossel e as escadas rolantes e um grande relógio no centro da passarela andava com os ponteiros para trás, homenageando o passado do estilista na marca.

Jacobs abusou de transparências e alegorias como plumas e brilhos nos looks, que incluíam alguns outros momentos importantes de sua história na Loius Vuitton, como o clássico grafitti Stephen Sprouse que se tornou hit através das it bags da marca. O ar de funeral luxuoso continuou por todo o desfile, que foi mais performático do que focado em tendências, lembrando a genialidade do estilista.

Marc Jacobs sua última coleção a todas as mulheres que o inspiram, como Kate Moss, Coco Chanel, Madonna, Sofia Coppola e Anna Wintour, e também à “showgirl que existe em cada uma delas”. O substituto ainda não foi anunciado, mas especula-se que o estilista Nicolas Ghesquière, que comandou a Balenciaga por 15 anos e se desligou da marca no final de 2012, irá assumir o posto.

Fonte: http://www.taste.com.br

louis-vuitton-spring-summer-2014-pfw1

louis-vuitton-spring-summer-2014-pfw20

louis-vuitton-spring-summer-2014-pfw13

louis-vuitton-spring-summer-2014-pfw5

louis-vuitton-rtw-ss2014-backstage-17_123940316237.jpg_carousel_parties

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado em 22/10/2013 por em Moda.

Informativo


Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 3.230 outros seguidores

Atualizações Twitter

Estatísticas do Site

  • 137,668 hits

Universo Moda

universomoda

universomoda

Graduada em Administração de Empresas, com especialização em Comunicação de Moda e Comércio Exterior pelo Instituto Metodista de Ensino Superior/SP, atuando no mercado de moda e beleza há 20 anos como consultora (marketing de moda e pessoal, etiqueta no trabalho, visual), jornalista, produtora, palestrante e professora (UNP, SENAI, SENAC).

Links Pessoais

Visualizar Perfil Completo →

Sou uma leitora voraz e é com trechos da obra de Drummond  Clarice Lispector e Lya Luft, três dos meus autores preferidos que compartilho um pouquinho das fotos agora oficiais que produzimos sábado pelos 15 anos da minha afilhada Laura Rocha Moura.
Cada um de vocês que sonhou e realizou comigo esse momento, incluindo ai a aniversariante e o papai Marcelo Moura, estão representados nesses poemas.
Muito, muito obrigado pelo amor de cada um.
Laura, sua madrinha ama você com toda a força do coração dela.... "Há gente que, em vez de destruir, constrói; em lugar de invejar, presenteia; em vez de envenenar, embeleza; em lugar de dilacerar, reúne e agrega."
____________________Lya Luft

VERBO SER
Carlos Drummond de Andrade 
Que vai ser quando crescer? 
Vivem perguntando em redor. Que é ser? 
É ter um corpo, um jeito, um nome? 
Tenho os três. E sou? 
Tenho de mudar quando crescer? Usar outro nome, corpo e jeito? 
Ou a gente só principia a ser quando cresce? 
É terrível, ser? Dói? É bom? É triste? 
Ser; pronunciado tão depressa, e cabe tantas coisas? 
Repito: Ser, Ser, Ser. Er. R. 
Que vou ser quando crescer? 
Sou obrigado a? Posso escolher? 
Não dá para entender. Não vou ser. 
Vou crescer assim mesmo. 
Sem ser Esquecer. ----------------------------------------------------------------------------------------------------------
"Sou como você me vê.
Posso ser leve como uma brisa ou forte como uma ventania,
Depende de quando e como você me vê passar." "Eu sou feita de tão pouca coisa e meu equilíbrio é tão frágil, que eu preciso de um excesso de segurança para me sentir mais ou menos segura." (...)Mas não sou completa, não. 
Completa lembra realizada. 
Realizada é acabada. 
Acabada é o que não se renova a cada instante da vida e do mundo. 
Eu vivo me completando... mas falta um bocado.
Clarice Lispector ---------------------------------------------------------------------------------------------------------
Fotos: Fabiano Guedes @fabiano_guedes 
Cabelo : Maria do Socorro (Help) – Salão Anninha – filial - @mary112345

Locação – Salão Anninha – Filial /@anninhacabeleireirosnatal

Siga-me no Twitter

Sou uma leitora voraz e é com trechos da obra de Drummond  Clarice Lispector e Lya Luft, três dos meus autores preferidos que compartilho um pouquinho das fotos agora oficiais que produzimos sábado pelos 15 anos da minha afilhada Laura Rocha Moura.
Cada um de vocês que sonhou e realizou comigo esse momento, incluindo ai a aniversariante e o papai Marcelo Moura, estão representados nesses poemas.
Muito, muito obrigado pelo amor de cada um.
Laura, sua madrinha ama você com toda a força do coração dela.... "Há gente que, em vez de destruir, constrói; em lugar de invejar, presenteia; em vez de envenenar, embeleza; em lugar de dilacerar, reúne e agrega."
____________________Lya Luft

VERBO SER
Carlos Drummond de Andrade 
Que vai ser quando crescer? 
Vivem perguntando em redor. Que é ser? 
É ter um corpo, um jeito, um nome? 
Tenho os três. E sou? 
Tenho de mudar quando crescer? Usar outro nome, corpo e jeito? 
Ou a gente só principia a ser quando cresce? 
É terrível, ser? Dói? É bom? É triste? 
Ser; pronunciado tão depressa, e cabe tantas coisas? 
Repito: Ser, Ser, Ser. Er. R. 
Que vou ser quando crescer? 
Sou obrigado a? Posso escolher? 
Não dá para entender. Não vou ser. 
Vou crescer assim mesmo. 
Sem ser Esquecer. ----------------------------------------------------------------------------------------------------------
"Sou como você me vê.
Posso ser leve como uma brisa ou forte como uma ventania,
Depende de quando e como você me vê passar." "Eu sou feita de tão pouca coisa e meu equilíbrio é tão frágil, que eu preciso de um excesso de segurança para me sentir mais ou menos segura." (...)Mas não sou completa, não. 
Completa lembra realizada. 
Realizada é acabada. 
Acabada é o que não se renova a cada instante da vida e do mundo. 
Eu vivo me completando... mas falta um bocado.
Clarice Lispector ---------------------------------------------------------------------------------------------------------
Fotos: Fabiano Guedes @fabiano_guedes 
Cabelo : Maria do Socorro (Help) – Salão Anninha – filial - @mary112345

Locação – Salão Anninha – Filial /@anninhacabeleireirosnatal
Follow Universo Moda on WordPress.com

Hours & Info

1-202-555-1212
Lunch: 11am - 2pm
Dinner: M-Th 5pm - 11pm, Fri-Sat:5pm - 1am
%d blogueiros gostam disto: